Após críticas por declaração sobre manifestações, Pelé volta atrás: ‘Eu sou 100% a favor deste movimento’

Por Yan Pedro

Nesta quinta-feira (20), o maior jogador de todos os tempo, Pelé, utilizou a rede social Twitter para se defender após a repercussão negativa causada por um vídeo, no qual ele pede para o povo deixar de lado as manifestações que vêm acontecendo nos últimos duas e apoiar a Seleção Brasileira. O Rei do Futebol disse que foi mal interpretado e que sempre apoiou a luta contra a corrupção.

“Eu sempre lutei contra a corrupção. No meu milésimo gol, eu falei sobre a importância da educação de nossas crianças. Por favor, não me entendam mal. Eu sou 100% a favor deste movimento pela justiça no Brasil!”, tweetou Pelé, que completou. “Eu somente peço a todos que apoiem a nossa seleção brasileira e não descontem as frustrações neles (vaiando e etc). Muito obrigado!”

“Vamos esquecer toda essa confusão que está acontecendo no Brasil, todas essas manifestações, e vamos pensar que a Seleção Brasileira é o nosso País, nosso sangue, e não vamos vaiar, vamos apoiar até o final”, disse Pelé, ontém.

Ontém (20), o ex-jogador e deputado federal Romário, que tem histórico de polêmicas com Pelé, comentou a declaração. “Lembra da frase que eu disse que o Pelé calado é um poeta. Isso serve mais uma vez. Ele não tem consciência nenhuma do que está acontecendo e não pode falar essas besteiras”, declarou Romário;

A declaração de Pelé, veiculada pela TV Tribuna (Afiliada da Rede Globo), causou revolta entre os internautas. “Romário, você tem meu respeito”, disse Julia Diniz. “Vaias par você, Pelé”, comentou Bruno Felix

Reprodução/Twitter 

Add Comment