“Carnaval no ano da Copa”

Hoje começam os desfiles das escolas  de samba do Grupo Especial de São Paulo, que se encerra no domingo com os grupos de acesso. Não só na capital, mas como em diversos lugares do Brasil, a festa é conhecida e aproveitada por todas as pessoas, independente de gostar ou não do evento. Alguns usam o feriado para descansar, enquanto outros só querem saber de cair na folia e aproveitar.

Segundo o Ministério do Turismo, além do evento gerar milhares de empregos temporários, este ano iremos receber cerca de 6,6 milhões de turistas que nos ajudarão a movimentar a economia do país, e acrescentarão algo em torno de 6,1 bilhões de reais, sim, bilhões. Só no Rio de Janeiro, é estimado cerca de R$ 2,278 bilhões, dos quais aproximadamente R$ 1,798 bilhão serão provenientes do turismo. O levantamento foi feito pela Riotur em parceria com a secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado, para quem o restante (R$ 480 milhões) será oriundo dos investimentos das escolas de samba, eventos paralelos, decoração e organização de blocos de rua.

Além dos desfiles tradicionais nas principais cidades, as marchinhas de rua e festas organizadas por marcas de cervejas também contribuem para este índice. Ai eu te pergunto: O carnaval é um evento que acontece todos os anos em diversas partes do Brasil, não é novidade pra ninguém e vai causar todo este impacto financeiro. Imagina na copa?

Add Comment