Cinco estados e o DF ainda não alcançaram meta de vacinação contra paralisia infantil

Brasília – Cinco estados e o Distrito Federal não atingiram a meta de vacinação contra a poliomielite, de acordo com dados do Ministério da Saúde. A meta é imunizar 95% das crianças entre 6 meses e 5 anos incompletos. A campanha nacional deveria ter encerrado no dia 21 de junho, mas foi prorrogada até 5 de julho para que os municípios e estados pudessem alcançar a meta de imunização.

No país, mais de 12,3 milhões crianças foram vacinadas. O número ultrapassa a meta nacional estipulada, que era 12,2 milhões.

Os municípios de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, do Tocantins e do Piauí – que não cumpriram a meta – vão continuar a vacinar as crianças até alcançar a meta. Em São Paulo, a imunização irá até o dia 31 de julho. A Secretaria de Saúde do Distrito Federal informou que não vai dar continuidade à campanha, mas a vacinação continua nos postos de saúde.

Os estados que mais vacinaram foram: Amapá, Roraima e Rondônia. As regiões Sudeste e Centro-Oeste não atingiram as metas de imunização.

O último caso de paralisia infantil registrado no Brasil foi em 1989. O país recebeu da Organização Mundial da Saúde (OMS) o certificado de erradicação da doença em 1994. No entanto, a vacinação é necessária para impedir a reintrodução do vírus no país, pois alguns países ainda registram casos da doença. (AB)

Add Comment