Funcionários dançam ‘Harlem Shake’ e são demitidos

A estatização do cartório da 2ª Vara Cível de Novo Hamburgo prevista para o fim de maio, será antecipada para a próxima semana. A medida foi anunciada pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ-RS) depois que seis funcionários gravaram um vídeo dançando em cima de documentos ao som da música “Harlem Shake”. Eles foram demitidos na terça-feira (16).

O anúncio foi feito na manhã desta quarta-feira (17) pela Corregedoria-Geral da Justiça. Com a medida, o cartório passará a contar somente com servidores concursados. Os funcionários que gravaram o vídeo eram terceirizados. A gravação foi classificada pelo TJ como “lamentável”, em nota oficial divulgada pelo tribunal.

Uma sindicância também foi aberta para apurar a responsabilidade a escrivã do cartório no episódio. A diretora do Fórum de Novo Hamburgo, juíza Traudi Beatriz Grabin, disse que o vídeo foi gravado na última sexta-feira (12), depois do expediente. A magistrada considerou o episódio lamentável e vergonhoso.

A gravação chegou a ser publicada no YouTube, mas foi retirada logo depois de oG1 entrar em contato com o cartório (veja o vídeo ao lado).

Na gravação, os servidores da 2º Vara Cível dançam sobre pilhas de processos, dentro da sala do cartório judicial.

Add Comment