Kevin Durant é craque, mas não vai levar sozinho o Thunder ao título

Kevin Durant e Russell Westbrook, destaques do Tunder (Crédito: AP Photo/John Bazemore)

Kevin Durant e Russell Westbrook, destaques do Tunder (Crédito: AP Photo/John Bazemore)

Pela juventude, pelo dinamismo, pela quantidade de talentos, o Oklahoma City Thunder é a principal ameaça a uma dinastia do Miami Heat nesta década. Ainda mais depois da temporada passada, em que mostrou sua força ao vencer a Conferência Oeste e de aprender com o time da Flórida lições importantes de como jogar uma decisão. Mas essa força toda do Thunder não deve resistir à lesão no joelho direito de Russell Westbrook se ela tirar o jogador do resto da temporada.

O armador muitas vezes irrita sua torcida por forçar a jogada individual, mas ele produz muito jogo e ajuda Kevin Durant a brilhar. Westbrook é o sexto de toda a NBA em pontos (23,4 por partida), o oitavo em assistências (7,5) e o décimo em roubos de bola (1,8). Quando ele deixa o estilo puramente instintivo de lado e atua de forma um pouco mais pensada, serve de complemento à estrela da equipe.

Add Comment