Organização diz que Marcha para Jesus atraiu 2 milhões de pessoas

Milhares de pessoas participam da Marcha para Jesus em São Paulo (Foto: Daniel Guimarães/AFP)

Por Philippe Azevedo

Aconteceu neste sábado (29), em São Paulo, a 21º Marcha para Jesus que, segundo a organização, atraiu cerca de dois milhões de pessoas para a passeata. Contudo, segundo o 1º tenente Milord José Guimarães Silva, da Polícia Militar, 800 mil pessoas haviam passado pelo evento até as 18h. O evento teve fim o marcado para às 20h30.

A concentração aconteceu na Praça de Luz e deve seguir até a Praça Heróis da Força Expedicionária Brasileira, na Zona Norte, que foi acompanhada por milhares de fieis, onde aconteceram os shows de vários grupos. O tema deste ano foi “Novo Tempo”.

O primeiro número estimativo de fiéis que estavam no evento foi divulgado pelo pastor da Igreja Renascer em Cristo, Estevam Hernandes, que também preside o evento. Para eles, o expressivo número de pessoas se deu por causa das manifestações que acontecem no País nas últimas duas semanas. “Acredito que muitas pessoas foram motivadas pelas manifestações a estar marchando também”, disse.

Nenhum registro de roubo ou furto foi feito à Polícia Militar até às 18h. Porém, segundo a organização da Marcha para Jesus, 500 pessoas pediram atendimentos médicos, após se sentirem mal por causa do calor, alimentação, pressão baixa, desmaios e hipoglicemia. Os fiéis foram prontamente atendidos e liberados, exceto uma adolescente que foi encaminha ao Pronto Socorro de Santana para exames.

Durante o evento, os fiéis levaram vários cartazes. Entre eles estavam “Cura Gay, uma mentira do ativismo gay”, em referência ao projeto de lei que tramita na Câmara e foi aprovado no dia 18 de junho na Comissão de Direitos Humanos (CDH). O projeto de lei determina o fim da proibição, do Conselho Federal de Psicologia, de tratamentos que se propõe a reverter a homossexualidade.

O pastor Marco Feliciano, presidente do CDH, um dos mais criticados pelos manifestantes que rondam o Brasil, participou do evento em cima do trio elétrico. Em seu Twitter, o deputado publicou a seguinte frase: “Eu represento vocês”, se referindo ao público evangélico.

Fiéis levam faixas para o evento religioso realizado neste sábado (Foto: Letícia Mendes/G1)Foto postada no twitter do deputado Marco Feliciano, 'Foto Marcha Pra Jesus - EU REPRESENTO VOCÊS!' (Foto: twitter/marcofeliciano)

Os fiéis levaram outras faixas para a marcha, entre elas uma escrita “Procurando Lula” e outra “Manifestação pacífica tem limite. Fora baderna e vandalismo”, essa última em referência aos recentes protestos.

O ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (PSD), esteve no evento na tarde deste sábado. “É uma festa maravilhosa, da cidadania, um presente para São Paulo. Eu, como prefeito, participei de várias edições. É um dia de muita festa”, disse.

Renascer Praise, Diante do Trono, Aline Barros, Ao Cubo, Inesquecível, Asaph Hernandes, Davi Sacer, Regis Danese, Mariana Valadão, André Valadão, Cassiane, Thalles Roberto, Marcelo Aguiar e Fernandinho são os grupos que se apresentaram para a multidão.

Vias da capital paulista foram bloqueadas pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) para a realização do evento. Tiradentes, Santos Dummont e a Praça Campos de Bagatelle foram as avenidas interditadas.

Add Comment