Secretário de transportes diz que a prefeitura não foi avisada sobre a alteração no trajeto do Papa

(Foto: Divulgação)

Philippe Azevedo

O Papa Francisco e seus seguranças passaram um aperto durante a sua passada, de carro fechado, na Avenida Presidente Vargas, trajeto até então não era o previsto. Um dos carro teria errado o caminho, mas segundo o secretário municipal de Transportes do Rio, a Polícia Federal que decidiu o trajeto do pontifique. Houve um princípio de confusão e até um dos veículos de segurança de Francisco bateu no carro da guarda municipal.

Carlos Osório, secretário de Transportes do Rio, disse que a prefeitura sequer foi avisada da alteração do trajeto.

“Não entendemos por que colocaram o papa naquele trajeto. Não houve comunicação à prefeitura. Foi uma decisão da Polícia Federal e não sabíamos sequer se o papa iria de helicóptero ou de carro”, afirmou Osório.

Add Comment