Tribunal de Justiça condena gravadora de Erasmo Carlos por DVD sem autorização

Confusão na música com Erasmo Carlos. A gravadora Coqueiro Verde, que tem o cantor como um dos sócios, foi condenada pelo Tribunal de Justiça por comercializar irregularmente em DVD um show dos cantores Tom Jobim, Vinicius de Moraes, Miúcha e Toquinho realizado em outubro de 1978, na Itália.

Segundo a sentença, a empresa não só terá que retirar de circulação todas as cópias dos discos, como pagar a indenização de R$ 50 mil por danos morais. De acordo com a advogada dos cantores, Luciana Soares de Souza, a gravadora e a TV suíça RadioTelevisione Svizzera (RTSI), foram alvo do processo.

Add Comment